menu
Topo
Nina Lemos

Nina Lemos

Ana Paula Arósio aparece e causa surpresa. Ou seria inveja?

Nina Lemos

2031-10-20T18:04:00

31/10/2018 04h00

A fã Ana Paula Tobias tirou foto com Ana Paula Arósio. Reprodução/Facebook

No meio de tantas notícias sobre eleições, brigas, caos e confusão, uma foto e uma informação "boba" viralizou na internet essa semana: a atriz Ana Paula Arósio, de 43 anos, apareceu. Ela foi vista votando em São Paulo e foi fotografada por uma fã. Cada vez que Ana Paula Arósio "aparece" o fato é celebrado com surpresa, como se ela fosse um fantasma. Por quê?

Acredito que porque, no fundo, todos temos uma invejinha e uma admiração pela coragem da atriz que, no auge da fama, abandonou a vida de estrela e foi viver no interior, rodeada por cavalos.

Em 2010, Ana Paula saiu da novela "Insensato coração" e foi viver no interior.

Nos dias de hoje, no meio de tanta confusão, quem não sente vontade de dar uma de Ana Paula Arósio, largar o mundo, morar num sítio e deixar para trás um monte de coisas que parecem não fazer mais sentido? Muitas. Quem têm essa coragem? Pouquíssimas.

Desapegar não é fácil

Nos úlltimos dias, tenho visto muitos amigos falando que vão largar as redes sociais. Isso, hoje em dia, é um ato de desapego, praticamente um autoexílio. Mas corajosa mesmo é Ana Paula Arósio, que não só não faz parte das redes sociais (ela não participa do concurso de felicidade do Instagram, nem discute política no Twitter) como renunciou aos tais prazeres e pavores da fama, da vida na cidade, do "glamour".

Ao "reaparecer", a atriz foi chamada, entre outras coisas de "mais velha" (ei, ela não está congelada em uma máquina do tempo!) e de "gordinha". Só isso já comprava que sua opção de ficar longe dos holofotes é, no mínimo, compreensível.

Mesmo nós, anônimos, com a exposição nas redes sociais, sentimos o peso do veneno e somos chamadas de velhas, de loucas. Fugir disso é loucura? Acho que é sanidade.

Curioso o fato de falarmos que Ana Paula Arósio SUMIU, virou RECLUSA. Bem, sumir das redes sociais, da TV e do noticiário não é deixar de existir, certo? Tenho certeza que para seus amigos e família a atriz não sumiu.

Fala-se muito em desapego. Mas desapegar de verdade é coisa para poucos.

Até hoje, o "sumiço" de Ana Paula é visto como um grande mistério. Mas, espera, quem nunca teve vontade de levantar da mesa do trabalho, falar "chega", ir embora e nunca mais voltar? Poucos podem se dar a esse luxo, claro. Mas a moça, que trabalha duro desde a adolescência como modelo, pôde se dar a esse luxo. Tem quem queira ter um closet lotado de roupas de grife. Tem quem prefira levar uma vida tranquila.

Qual o drama?  Também fiquei curiosa e descobri que Ana Paula Arósio mora, hoje, em uma fazenda na Inglaterra com o marido. Em sua última entrevista, em 2015, para divulgar o filme "A Floresta que se Move", a atriz disse que estava feliz com a opção que fez. Quem tem dúvida? E quem, nesses dias, não tem, nem que seja no fundo, uma vontadezinha de "fazer a Ana Paula Arósio"? Sorte a dela que pode. E tem coragem para isso.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre a autora

Nina Lemos é jornalista e escritora, tem 46 anos e mora em Berlim. É feminista das antigas e uma das criadoras do 02 Neurônio, que lançou cinco livros e teve um site no UOL no começo de 2000. Foi colunista da Folha de S. Paulo, repórter especial da revista Tpm e blogueira do Estadão e do Yahoo. Escreveu também o romance “A Ditadura da Moda”.

Sobre o blog

Um espaço para falar sobre a vida das mulheres com mais de 40 anos, comportamento, relacionamentos, moda. E também para quebrar preconceitos, criticar e rir desse mundo louco.