Topo
Nina Lemos

Nina Lemos

Homens fazem sucesso com dicas para "empoderar" mulheres no youtube

Nina Lemos

2029-03-20T19:04:00

29/03/2019 04h00

"Como fazer aquele cara te dar mais valor, "Como fazer um homem se apaixonar por você". "Qual a diferença entre uma mulher de valor e uma mulher sem valor". A gente achava que esse tipo de dica de "como segurar seu homem" era coisa do passado. Até as revistas femininas já desistiram dessas dicas do tipo "como fazer ele se apaixonar", como "ELES gostam que você se vista" etc.

Mas…. Trago notícias. Existe um novo ramo de sucesso no Youtube: os homens que ensinam os as mulheres a agradarem os homens, os coachs de relacionamento especializados em mulheres. Sim, isso mesmo.

Veja também

Seria esse o mansplanning levado as últimas consequências? Um homem vai te explicar a ser mulher? E vai te explicar a fazer sucesso com os caras se adaptando ao gosto deles?

O mais famoso coach no momento é o Diego Mattos, conhecido "Diego, muda vida coach de mulheres". Com esse nome "artístico", ele causou reboliço essa semana quando muitas mulheres descobriram que existia um coach com essa alcunha. "Isso existe mesmo?", perguntaram. Sim, existe. Diego é de verdade, tem 32 anos, fez curso de coach e mora em São Paulo. O blog conversou com ele.

Ele faz sucesso. E gera polêmica.

"Diego muda vidas" causou reações de choque no Twitter ao postar coisas como:

Algumas reações para essa pérola:

"Um homem coach. OK. Um homem coach que quer ensinar a mulher a ser mulher… OK, vou ali furar os meus olhos."

"Parabéns pela página. Se fosse para eu dar uma nota seria dó."

"Meninas, seguinte. Vamos parar de nos divertir no Carnaval porque o Diego não gosta. Ele acha que nossas reputações vão ficar manchadas. Aliás, não vamos mais sair de casa porque é um homem que está dizendo isso, tá?"

O que Diego tem a dizer sobre isso? O coach, que posta um video por dia no Youtube e tem quase 500 mil seguidores, explica. "As palavras têm muito peso, ficam fora de contexto. Em vídeo é diferente. O que eu quis dizer é que no Carnaval a mulher precisa tomar cuidado, porque, por exemplo, vai que uma pessoa do trabalho vê. Não disse para ninguém não se divertir. E inclusive, o que eu disse vale para homem também. Tem muito homem que fica bêbado no Carnaval e tem comportamentos péssimos", defende-se.

Diego é hoje um homem de negócios. Tão empresário que pergunta para a blogueira qual o tom da reportagem e o alcance.

Claro, imagem é tudo. Um de seus vídeos ensina, por exemplo, "quais são as melhores fotos para postar no Instagram para conquistar um homem" , "como fazer um homem se apaixonar por você pelo WhatsApp".

Mas ele não se considera machista. "Não, não sou machista. Eu ajudo as mulheres. Acho que as mulheres têm que se aceitar do jeito que são. Se vestir como querem e não devem aguentar abusos. Tenho vídeo no meu canal sobre relacionamento abusivo. Muita mulher acaba ficando em relacionamento assim. Eu aconselho a cair fora. Se o sapato não cabe no seu pé, você não deve mudar o seu pé, mas comprar outro sapato", ele diz.

A metáfora do sapato é usada várias vezes por Diego durante a entrevista. Ele diz também que mulheres devem se aceitar do jeito que são. "Se o cara não gosta de uma mulher como você, você não deve mudar de personalidade, você deve procurar outro sapato", ele diz.

Homem explicação?

Mas um homem falando como as mulheres devem agir (mesmo que seja tentando "empoderar") não seria "mansplanning"? Ele acha que não."Só quero ajudar, só partilhar meu conhecimento. Estudo relacionamentos há dez anos". Diego conta já ter dado palestra para mais de 10 mil homens e diz que adotou o nome "Diego muda vida" porque sua missão no mundo é mudar a vida das pessoas. Além do canal no Youtube, oferece cursos online que custam de R$ 90 a R$ 120, dependendo da quantidade de "aulas".

Tem, sim, gente querendo furar o olho por causa de sua existência. Mas Diego também tem fãs. Em seus vídeos, "alunas" agradecem suas dicas. "Nossa, Diego, todo o Brasil devia ver esse vídeo", diz uma delas.

Diego Muda Vida de Mulheres não é o único. Existem outros especialistas. Ítalo Ventura, que se define como "coach de relacionamentos que ajuda mulheres a se empoderarem e conseguirem o homem dos seus sonhos" (sic) tem quase 700 mil seguidores.

Ele faz vídeos no estilo : "Como puxar assunto do jeito certo com um homem no WhatsApp." Segundo ele, falar "oi, tudo bom", por exemplo, começa com uma energia baixa. "O intuito de uma mensagem é mostrar a mulher forte, espirituosa e engraçada que está mandando a mensagem", ele explica. Segundo ele, precisamos achar um "ponto focal". Estudar a vida dele e ver pontos de interesses. Se viu que ele surfa, pergunte o nome da praia. Pronto, complicaram o bater papo.

Fato. Pode ser estranho mesmo homem achando que pode fazer mulher se empoderar. Mas eles fazem sucesso. Ítalo escreve e-books, dá workshops e coleciona fãs. "Ítalo, parece que você acompanha a minha vida, sempre bate na tecla certa", diz uma fã.

Pois é.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre a autora

Nina Lemos é jornalista e escritora, tem 46 anos e mora em Berlim. É feminista das antigas e uma das criadoras do 02 Neurônio, que lançou cinco livros e teve um site no UOL no começo de 2000. Foi colunista da Folha de S. Paulo, repórter especial da revista Tpm e blogueira do Estadão e do Yahoo. Escreveu também o romance “A Ditadura da Moda”.

Sobre o blog

Um espaço para falar sobre a vida das mulheres com mais de 40 anos, comportamento, relacionamentos, moda. E também para quebrar preconceitos, criticar e rir desse mundo louco.